Michel Temer é o preparador do Brasil para a Nova Ordem Mundial?

Diz algumas fontes que o presidente interino do Brasil, Michel Temer, e sua política entreguista pró Nova Ordem Mundial, não terá como fugir de demitir servidores públicos e, o que pode ser pior, deve acabar, também, com a estabilidade de emprego do setor. Será que ele tem poder pra isso? Bom, maçom o cara é, né, já é um grande sinal de que sim. Mas, só de ver que o cara não foi eleito democraticamente, ninguém votou nele pra tá onde tá e tá fazendo esse estrago todo para a população brasileira, é para “temermos”. Sem trocadilhos!

Aos poucos o Temer faz o que ele e o Cunha queriam para o modelo social brasileiro, sair do socialismo democrático – que o PT chegou a implantar e estava solidificando – e entrar no modelo social dos Estados Unidos, que tem aversão a funcionalismo e serviço público.

As privatizações que a corja do governo (deixa eu aproveitar enquanto somos livres para escrever assim) deseja iniciar para preparar nossa maior dependência do capital e governos estrangeiros já foram informadas até mesmo pela mídia dele, a que colabora com os neocolonizadores (a PIG que a Globo lidera). Aliás, essa mídia é instrumento deles (NOM), né, tá aqui a serviço deles preparando os brasileiros para serem escravos sem questionar. Não espanta essa atitude leviana que essa mídia sempre está a tomar.

Por lá, nos EUA, se paga por tudo. Pelo ensino, pela saúde, pelos remédios, pelo transporte. Só que lá o povo tem emprego – de qualidade, pois, o trabalhador lá tem qualidade – e salário compatível com o modelo social em que se paga por tudo.

E esta é a minha pergunta: o Temer promete essas três coisas, qualidade para o trabalhador, emprego e salário compatível com o modelo “pague para viver” que ele quer implantar? Se promete, você acredita que ele e sua equipe incompetente, mercenária e serva dos colonizadores da Nova Ordem Mundial, têm cacife para cumprir?

Querem é nos escravizar ainda mais aos Estados Unidos e ao que sobrar da Europa. Deixemos de ser bobos e reajamos! Só mesmo medidas ostensivas, tipo perder medo de bala e partir para a guerra civil, bélica – luta armada – ou ideológica – boicote -, desde que seja guerra e eficiente, para desmontar esse esquema de escravização da humanidade para que uma minoria, em detrimento do restante, viva sem privação, é que vai nos salvar. Não é o Chapolim e nem Jesus Cristo para conter essa agenda.

Se não partir do povo, que é o molestado, a reação, haverá escravização. Até rimou. É um comportamento que toda a América Latina, ao mesmo tempo, deve tomar, cada um dentro de seu país. Porque se acontecer essas rebeliões internas isoladamente, só em alguns países, e espaçadamente, em tempos diferentes, os mariners dão cabo e controlam tudo que nem já fizeram por aqui e em vários outros países latinos. Pode se ver que na Colômbia já estão amansando as FAARC. Coisa horrorosa, hein! Ah, e nunca esqueça: Esta é a minha opinião. Sempre politicamente incorreta, como diz o outro.

Leia o livro “Os meninos da Rua Albatroz” e aprenda como se defender do sistema|

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: