Teriam os tucanos assassinado Eduardo Campos?

tucanosderrubamec

Como eu já escrevi noutros posts, eu adoro refletir sobre as teorias alternativas que aparecem para contestar os fatos dados como absolutos. Elas fazem muito mais sentido para mim, poxa! E essa que suspeita do envolvimento de adversários políticos na morte do Eduardo Campos é uma maravilha para se fazer isso.

Na postagem anterior eu discorri sobre o 7 a 1 da Alemanha sobre o Brasil na Copa 2014. Expliquei como poderia ter sido aquele placar uma tentativa de se cabular a popularidade da Dilma Rousseff naquele ano de sucessão presidencial na Casa Branca… ops: no Palácio da Alvorada, a fim de fazer o PT cair fora do governo sem que determinada elite oculta govenante do Brasil de longos anos precisasse mexer mais contundentemente seus pauzinhos.Sabemos hoje que a bomba de efeito moral não funcionou. Era preciso jogar algo terminantemente mortal no povo.

Me lembro de ter lido em veículos de comunicação, do Partido da Imprensa Golpista até, no mês de agosto de 2014, as estatísticas de preferência de votos para presidente.Apontadas até mesmo por órgãos de pesquisa de opinião pública que prestam serviços duvidosos, como o Datafolha por exemplo, que Dilma se reelegeria já no Primeiro Turno, pois, ela possuía mais de 50% das intenções de votos. Tirando de memória, sem que as informações – se tivessem que ser prestadas com excelência – sejam as corretas, o índice mais próximo dela era o da somatória dos votos brancos e nulos com os dos indecisos. De candidato mesmo, o que aparecia na tela, bem atrás do pelotão de frente, era o Eduardo Campos, que tinha cerca de 8% do eleitorado interessado em confiar-lhe o voto. Me lembro também que se este tivesse pelo menos 12% das intenções naquela ocasião, já ameaçaria a reeleição da Dilma sem segundo turno.

A gente sabe que partido político no Brasil é como a casa da mãe Joana. Todo mundo dá pitaco. As tais das coligações fazem unir, sem o menor pudor, esquerdistas e direitistas. Você pode imaginar fácil fácil um tucano ligando para o PSB sugerindo ao partido mais empenho para que seu candidato melhore sua campanha, já que ele está melhor colocado entre os retardados. Podemos até ver mentalmente eles chegando dinheiro ao PSB para dá-lo condição de fazer isso.

É, mas, se eles faziam isso, conforme essa TC – Teoria Conspiratória, esqueciam o principal com relação ao voto no PT: quem vota nele vota por amor e por ideologia. Não é arregimentado pela mídia e nem por promessa de chegada de asfalto na rua onde mora. O brasileiro petista – e os esquerdistas simpatizantes de outras legendas que nem eu -, naquela altura estava para lá de satisfeito com o avanço social que acontecera nos últimos doze anos até então. Votava, a esquerda, também por gratidão. Por reconhecimento ao trabalho de um partido que fez o Brasil melhor. Se não se destruísse isso, se não conspirassem para manchar a imagem do PT derradeiramente, fadariam os conspiradores a ter que aguardar 2018. Ou, quem sabe, partir para um golpe de impeachment.

Poxa ,mas, até então o PSB era vermelho também. Marina Silva estava ali como vice do Campos e ela havia tido voto expressivo em outra sua vez como candidata à presidência da república. Fora ministra do Lula, tinha carisma junto às comunidades mais pobres. Gente do Norte, que guarda semblante de humilde. Eu nem sei a razão de não ter sido ela,naquele momento, a candidata titular do partido que ela integrava. E o Campos também tinha inclinação comunista. Se ele ganhasse aquela disputa por votos ele ia é continuar a avermelhar o país.Mas, a diferença de percentual de votos para a Dilma era grande. Se nada fosse feito ia ser o PT mesmo a carregar o Brasil para o modelo social que o PSDB abomina. Igualdade social é com o PSDB, gente?

Na manhã daquela quarta-feira 13 de agosto de 2014 em Santos, eu não sei se o Eduardo Campos estava naquele avião que caiu e não deixou sobreviventes. Sabe, eu não fui ao velório e gosto de crer nas coisas que vejo de perto. Perdoe-me por manter essa desconfiança de mineiro. Sabe me dizer do paradeiro do Elvis e do Michael Jackson?

Mas eu sei que ficou a notícia oficial da morte do até então presidenciável do PSB. Lá se fora, no primeiro momento, a esperança de haver Segundo Turno. Que para alguns ratos de praia poderia servir como trabalho de flanelinha: guardador de vagas. De primeira mão, eu suspeitaria do PT se eu estivesse certo de que era um acidente criminoso e tivesse que apontar os dedos para alguém. Só que, sem demorar muito, Marina Silva tomou o posto do falecido e emplacou perto de uns 20% de popularidade junto ao eleitorado em tempo recorde. Com isso eu trocaria minha suspeita na hora, pois, teria sido um belo de um tiro no pé o suposto ato criminoso se atribuído ao Partido dos Trabalhadores.

Me lembro de um vídeo que passou pelo meu mural do Facebook em que o jornalista Luis Carlos Prates se indignava, no telejornal que apresentava, com o comportamento do eleitor apontado em pesquisa de opinião e chamava o povo de ignorante por erguer um candidato baseado na comoção gerada por um fato nefasto acontecido com alguém do círculo dele, que a massa só deu importância por causa da explosão que a mídia fazia para distrair o eleitor. Vídeos virais mais escondiam o mistério da razão de Marina Silva despontar tanto em pouco tempo do que buscavam esclarecer o motivo.

Naturalmente ou não, esse quadro que apontava Dilma X Marina no Segundo Turno da eleição durou até uma semana da própria. Sim, eu escrevi “uma semana”. O mistério virou outro, não é mesmo? Como que tão repentinamente o Aécio entrou em cena e tomou o lugar da ex ativista do PV?

Bem, eu acho que tenho a resposta. E ela linca tudo com o título desta postagem. Só que o texto está ficando enorme e aí o povo não lê. Então, vou ter que te fazer esperar até a conclusão que acontecerá nas próximas postagens. Ou, se quiser, adquira o livro “Os meninos da Rua Albatroz“, não só para conhecer essa opinião, mas, também, para se defender do sistema.

Ah, se puder, curta, comente e compartilhe esta postagem para o meu blog ganhar moral aqui no WordPress. Rs!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: