TV Globo, acuada?

Paulo Henrique Amorim deixou claro em seu blog as razões pela qual se pode observar que a Globo está de costas para um precipício. A rede se encontra sem fôlego para continuar na ativa com o ar de imponência e de petulância de sempre, mas, sem deixar transparecer. Sobrevivendo da audiência dos jogos do futebol europeu e mais nada. Acabou a audiência para telenovela, filmes, programas de variedades. Acabou a credibilidade do público em seu jornalismo.

A velha parceria que o grupo de comunicação aparentemente mantém com o meio militar desde 1964, quando a rede de televisão iniciou suas atividades, parece sofrer abalo agora. É essa imagem a grande acarretadora de prejuízos para o grupo de comunicação dos Marinho, nesses tempos em que o Brasil sofre com a corrupção que é feito parecer assolar todas as alas políticas do país, mas que tentam esconder a participação de elementos da ala direita. Essa ocultação praticada com mais visibilidade pelas Organizações Globo, pois, basta assistir o Jornal Nacional, por exemplo, para se analisar o tratamento que é dado para fulano da esquerda e para beltrano da direita. Os beltranos, mesmo estando cada vez mais enrascados em acusações de locupletação, a organização midiática insiste em convencer a população de que suas integridades morais são inabaláveis.

Um fato duvidoso, então, veio a acontecer. Em um capítulo do seriado supostamente voltado para o público infanto-juvenil Malhação, foram apresentadas cenas que colocam a Polícia Militar bastante embaraçada, na posição de totalitária e de racista. E isso teria ferido o ego da instituição, que se pronunciou contra em abundante material pela mídia a fora. Só no Youtube, a quantidade de vídeos existentes é tanta, que chega a dar vontade de desistir de ver qualquer um deles, por não se saber qual poderia ser chamado de cópia do oficial para não se correr o risco de comemorar vitória contra a emissora tendo como base um fake.

É certo que o pronunciamento áspero do porta-voz dos militares contra a TV Globo em um dos vídeos muda o rumo da parceria entre as entidades daqui para frente. Mas, isso vai depender do público. Primeiramente porque tudo pode não passar de um golpe. Tem-se que considerar também essa versão. A Globo pode ter combinado com a Polícia Militar o episódio, pensando em acabar de uma vez por todas com a imagem de parceira dos militares e de carro de apoio dos generais nos tempos de ditadura militar no Brasil. Derrubando-se essa imagem ela recupera alguma credibilidade e quem sabe pode continuar existindo com mais tranquilidade como rede de televisão e como jornal.

O procedimento correto que o público deve tomar é outro. Seria não baixar a guarda quanto a imagem de vendilhã e golpista que faz da Globo e ficar de olho nos militares. Se a velha parceria entre as entidades em foco continuar, o público deve duvidar da honra e das intenções da Polícia Militar.

Outra interpretação que não podemos deixar de lado é a que resume o embate holofotado a fator de encobrimento dos últimos acontecimentos no campo da política. Com o Governo e o STJ sofrendo derrotas em suas aparentes articulações em pró de uma justiça forjada com relação à Operação Lava-Jato e empenho para que o ex-presidente Lula não saia candidato em 2018, qualquer coisa que distráia o público serve como panacéia para os que conspiram contra a opinião pública.

Portanto, não deixa de ser uma oportunidade para principalmente quem é de esquerda o advento dessa bomba. É tarde demais para a PM aceitar qualquer desculpa da Globo. É inevitável, caso o ocorrido seja o que está sendo veiculado, que a Polícia Militar não reconheça que tem um inimigo em comum com aqueles que ela tem sido usada para combater. Não a Rede Globo propriamente dito, mas toda a grande mídia. Que possui grupos elitistas e conservadores por trás dela. E estes – juristas, políticos e empresários – os militares terão também que reconhecer como inimigos e procurar não cooperar com eles.

A manter essa conduta a população, eu pelo menos me ponho a comemorar o fim da midiocracia no Brasil.

Venha, meu coração está com pressa
Quando a esperança está dispersa
Só a verdade me liberta
Chega de maldade e ilusão.
(“Perfeição”. Legião Urbana.)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: