O dia que o brasileiro abriu caminho para passarem com um rolo compressor sobre ele

Você sabe por que você ainda come frutas e legumes orgânicos, sem ou com o mínimo de agrotóxico, e não somente alimento sintético ou semisintético industrial? É porque a esquerda política brasileira te representava e impedia que a bancada ruralista e empresas como a Monsanto conseguissem aprovar os projetos de seus interesses.

Sabe por que você ainda pode beber água, mesmo que fluoretada, gratuitamente em alguns lugares e a sua conta de água não abala tanto o seu orçamento? É porque essa esquerda impede de seguirem em frente com sua astúcia os que estão por trás do interesse de privatizar empresas públicas como as companhias de saneamento, as hidrelétricas, as petrolíferas, os Correios.

Você sabe por que você ainda pode acessar a internet, bater papo pelo celular, ir às baladas, aos mais diversos shows e eventos artísticos e de entretenimento que se vê à compor a sua agenda de passatempo? É por que a Esquerda atua para que você tenha esses direitos, que são humanos. Esquerda se interessa por direitos humanos.

E quanto à liberdade que você tem na internet? Já ouviu falar do Marco Civil da Internet, não já? Que cuida da sua privacidade no ambiente http. É coisa de “esquerdopata”.

Sabe por que você ainda pode ser católico, espírita, umbandista, muçulmano, budista ou ateu e nao é obrigado a servir de fiel-trampolim de pastor numa igreja evangélica? Você não precisa ser extraditado, preso ou ter a morte decretada por não ser crente é porque a mesma esquerda aquietava o facho dos intolerantes e avarentos componentes da bancada evangélica, que também têm o rabo preso com o protestantismo dos Estados Unidos. É pra lá que vai o imposto que essas igrejas não pagam no Brasil.

Quanto ao Trabalho, as coisas já mudaram bastante, mas, se até a Dilma sofrer o impeachment você tinha mais direitos trabalhistas e mais segurança no trabalho e com a Previdência é porque a Esquerda estava no poder e tinha gente batalhando para aprovar leis em seu favor e vigiando para que nenhum direito fosse lhe subtraído, além de derrubar os projetos maldosos dos políticos desgraçados que são financiados por vigaristas principalmente do exterior. Acha que essa tal de Reforma Trabalhista não tentaram empurrar para ser aprovada enquanto o PT estava com o cetro na mão? Eles disseram entre si: “Temos que armar um golpe pra tirar essa esquerda do caminho senão o imperialismo não anda“. Com “imperialismo” eles não querem dizer “modernidade” como você foi instruído a pensar.

Eu poderia listar mais, mencionar sexualidade, negócios, turismo, consumo, mas, creio que você já entendeu o quanto foi necessário que essa cúpula que está no poder desde Michel Temer precisou fazer você de bobo pra esquecer a gratidão à esquerda e dar a eles o que eles queriam.

Te deram um motivo que eles próprios criaram: a corrupção que “Eles” praticam, e que você mesmo está vendo à cada nome que Jair Bolsonaro apresenta para compor seu ministério, e atribuíram ao PT.

Antes você já podia ver à cada nome que Michel Temer anunciava para ser seu ministro. Era pra você ter sido mais esperto e suspeitar que se corruptos chamavam tanto os esquerdistas de ladrões só podia ser pela razão de quererem tomar seus lugares. Antros de riquezas, cujos donos (nós) são fáceis de trapacear.

Você nunca percebeu que os ícones que eles colocavam pra você inspirar na opinião deles, gente como Regina Duarte, Carlos Vereza, Olavo de Carvalho, Roger do “Ultraje a Rigor”, saíam dos meios burgueses, mesmo se passando pelo contrário, e os perfis deles nada tinham a ver com o seu?

Precisaram tirar a esquerda da reta e você o fez. Me diz agora por que você o fez? O que está disposto a fazer para tomar de volta o que é nosso? O seu posto.

“Cortaram meus braços, cortaram minhas mãos
Cortaram minhas pernas num dia de verão
Num dia de verão, num dia de verão
Podia ser meu pai, podia ser meu irmão”

(Trecho da canção “1965 (Duas tribos), de 1989, da Legião Urbana. Renato Russo parecia preconizar este momento que vivemos em que os próprios beneficiários da gestão esquerdista foram capazes de vender suas conquistas para os verdadeiros larápios do Brasil em troca do nada que ofereceram os golpistas por trás de Michel Temer e de Jair Bolsonaro. O dia de verão ainda está por vir: 1º de janeiro de 2019.)

Leia o livro “Os meninos da Rua Albatroz”, que também foi inspirado nesta música e traz reflexões sobre como foi formada a cabeça do brasileiro das gerações pós Golpe de 1964.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: