Bolsonaro está entre o comunismo e a desaprovação popular

cubamaismedicos

Talvez o assanhamento para cumprir o protocolo dívida de campanha com seu financiador, que todos suspeitam ser os Estados Unidos, seja o maior motivo para Jair Bolsonaro insultar e ameaçar tanto os médicos cubanos do programa “Mais médicos”.

Bolsonaro parece um menino rico mimado que diz o que quer para os empregados da casa e acha que eles não têm sentimentos, dignidade para defender, vergonha na cara, sensação de insegurança e onde cair morto.

Esses meninos mimados costumam tomar umas palmadas na bunda quando os empregados chegam até seus pais para pedir conta. Os pais é quem sabe como é difícil arrumar quem toma conta dos filhos, com qualidade, passíveis de confiança de deixá-los nas mãos deles e, ainda, a um custo bem menor do que eles podem pagar.

Nisso, com essa obsessão fora de hora contra o comunismo, 24 milhões de pessoas podem ficar sem médico. E mesmo que seja essa a ideia pode não ser boa atitude.

Não só devido à perda de popularidade que com certeza ocorrerá ao governo que nem entrou e já está se despencando, com ministros já pensando em pedir demissão e tudo. Também há de se preocupar com a clientela pensada a ser destinada ao complexo médico-hospitalar-farmaceutico yankee. Essa não vai existir não devido ao boicote, mas, por não poder pagar o serviço direto ou os planos mensais a população que a negligência de Bolsonaro afeta.

Infelizmente, a maioria desses pacientes vai saber disso ainda. Por enquanto ainda se cura da ressaca gerada pelo voto mal dado.

Acabar com o SUS, privatizar todo o sistema de saúde pública brasileiro, e assim gerar espaço para empresas do setor tomar o dinheiro que o brasileiro paga suavemente na forma de impostos ao governo pode não ser jogada que se dê de cara. Ainda mais quando sequer começou o jogo para quem anda dando as cartas.

E forçar o governo cubano a chamar de volta seus médicos é um prenúncio de que esta mancada está para ser dada.

A reportagem que inspirou a postagem é do The Intercept. Clique e acesse!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: