Candidato imbecil vai lá; presidente já não rola!

EmbaixadorIdiota
FONTE DA IMAGEM: Humor político.

A questão do desmatamento da Amazônia e a Lei de abuso de autoridade parece que são as bolas da vez dos interesses do governo.

E assim como a Reforma da Previdência o governo vai ter que driblar até mesmo seu próprio eleitor ou apoiador pra ver passar no Congresso as aprovações.

E sempre que o governo está com esses angus de caroço pra gente engolir, ele vem fazendo aviãozinho com a colher usando assuntos idiotas pra distrair o público.

Os de agora são: essa babaquice sobre a morte do pai do Felipe Santa Cruz, a negação de apoio à produção de filmes LGBT e a nomeação do filho, Eduardo Bolsonaro, para o cargo de embaixador do Brasil em Washignton.

Só merda fácil de ganhar definição ou ser deixada pra depois a cagada, que não carece de ter prolongada a discussão, nem de ganhar tanta repercussão na mídia e nem de ser levada massivamente à atenção do público.

IMBECIL BOLSONARO
FONTE DA IMAGEM: Twitter/desenhosdonando.

Foda-se para quem matou o pai do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil. A divergência de opinião que existe entre o filho e o presidente da república só cabe a eles decidirem em off se há ou não a necessidade de um imbróglio num forum qualquer. Pondo ou não o povo pra pagar os custos do processo.

Assim como filmes com aparência hétero, o governo não tem que financiar trabalhos artísticos e de entretenimento de ninguém não. Quer instalar o Estado-mínimo ou não? Então, dê essa resposta para os produtores e pronto. Não precisa causar bafafá pro povo ocupar-se em discussão idiota.

A quem interessa os assuntos discutidos por um embaixador, quer seja de Washington, quer seja da puta-que-pariu? Não é ao povão. E a elite à quem a nomeação de um embaixador é decisão importante apoia qualquer bosta que o governo faz. Logo, colocar bosta de fllho de presidente ou outro que não caracterize nepotismo como embaixador nos Estados Unidos não interessa ao grande público.

Portanto, pra quê discussões, midiatização, bafafás que alimentam a imprensa corporativa e cegam o povo quanto às questões realmente importantes? Uma hora até mesmo o imbecil que não consegue perceber que tudo isso visa manipular a sua opinião vai parar de deixar o cachimbo cair, vai pôr um fim em ser besta e cortar seu apoio.

Esse tipo de coisa é que desanima a gente de ser condescendente com as intenções do governo. O mesmo, junto da imprensa corporativa trata a gente como imbecis pra atingir seus objetivos.

Bolsonaro tem que entender que a campanha eleitoral já acabou. Hoje sabemos que sem tratar como imbecil o eleitor ele não conseguiria se eleger. Só que presidir o país envolve a cooperação até de quem não votou nele, que ele sabe: não é nenhum imbecil.

Foi publicado o tão aguardado livro “A magia que enriqueceu Tony”. Adquira através do Clube dos Autores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: